Encontro virtual promovido pela Secretaria da Casa Civil aborda ética no ambiente de trabalho e no âmbito da privacidade

Evento é mais uma ação do Comitê Setorial de Compliance Público da pasta e será ministrado pelas servidoras Ana Luiza Coelho e Priscilla Dantas

A Secretaria de Estado da Casa Civil (SECC), por meio do Comitê Setorial de Compliance Público, promove, na terça-feira (31/08), às 10h, por meio da plataforma Zoom, um encontro virtual para tratar da ética no ambiente de trabalho e no âmbito da privacidade. As palestrantes serão a advogada Ana Luiza Coelho e a psicóloga Priscilla Dantas. A duração da reunião está estimada em cerca de 40 minutos e o acesso à sala do evento será enviado aos servidores pelo e-mail, WhatsApp e disponibilizado no site da Casa Civil.

A palestra pode ser acessada por este link: https://bit.ly/palestra_etica_SECC

A conferência é mais uma das ações que visam estimular a reflexão sobre este eixo do programa de Compliance Público, instituído pelo Governo Estadual, por meio do Decreto Nº 9.406, de 18 de fevereiro de 2019. O objetivo é disseminar a importância do papel do servidor na mudança cultural da administração pública, tornando-a mais eficiente e eficaz, em favor do cidadão, além de destacar a necessária atuação dos entes públicos dentro da absoluta fundamentação ética.

O webinar será dividido em dois painéis sendo o primeiro focado em “Ética e seus benefícios no ambiente de trabalho”, comandado por Priscilla Dantas; e o segundo, discutindo a “Ética no âmbito da privacidade e da proteção de dados”, ministrado pela advogada Ana Luiza Coelho.

De acordo com Priscilla Dantas, ética é importante, e a iniciativa de se fazer uma palestra sobre o tema demonstra a atenção das pessoas para com o assunto. “A ética no ambiente profissional contribui para garantir o bom andamento das atividades e favorece a troca de ideias, o que melhora o clima organizacional gerando um aumento na produtividade e melhora nos resultados", afirma.

Já a advogada e líder de área na SECC, Ana Luiza Coelho, ressalta a importância das decisões no conceito ético e suas implicações frente à sociedade. “Compreender a relevância e incorporar um tratamento ético de dados na estrutura organizacional é mais que uma boa prática e deve ir além da garantia de privacidade”, conclui.

O Programa de Compliance Público foi definido como o conjunto de procedimentos e estruturas destinado a assegurar a conformidade dos atos de gestão com padrões morais e legais, bem como garantir o alcance dos resultados das políticas públicas e a satisfação dos cidadãos, fomentando a ética, a transparência, a responsabilização e a gestão de riscos.   

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.