Casa Civil ampliará digitalização de edições antigas do Diário Oficial

Servidor folheia edição antiga do Diário Oficial do Estado

A Secretaria de Estado da Casa Civil iniciou nesta terça-feira, dia 04, a ampliação no processo de digitalização dos atos oficiais publicados pelo Diário Oficial do Estado entre os anos de 1920 e 1944. O trabalho tem o objetivo de preservar o conteúdo original das publicações e democratizar o acesso aos volumes e está sendo realizado pela gerência de Consolidação de Legislação da pasta com a colaboração da Agência Brasil Central (ABC), que disponibilizou o seu acervo.

“Nós queremos digitalizar mais de um milhão de páginas de edições do Diário Oficial, com leis assinadas por vários governantes que marcaram a história de Goiás, e também do Diário da Justiça, que fazia parte das publicações. É um conteúdo muito rico, que lança luzes sobre o Estado que temos hoje e cujo acesso será totalmente democratizado”, afirma o gerente da área, Cleusmar Teixeira, que neste momento realiza o trabalho de análise dos documentos. A digitalização dos exemplares será feita logo após, por uma empresa especializada que será contratada depois de realizada a licitação do serviço, já em andamento.

Para o gerente de Imprensa Oficial e Mídias Digitais da ABC, Previsto Custódio, o trabalho deixará um legado ao povo goiano ao facilitar a realização de pesquisas e consultas nos volumes. “Hoje nós recebemos aqui pessoas interessadas nas publicações oficiais dessa época e precisamos encontrar a edição específica do Diário Oficial que ela está procurando e fazer uma pesquisa manual nesses livros já bastante antigos. Agora elas poderão fazer isso em casa, pelo computador, então facilita muito” afirma o gerente.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.